16 de julho de 2013

Diário de viagem Cabo Frio - Parte 1 [A chegada na pousada]

Oieeeeeeeeeeeee!!!

Ah, que saudades de blogar! E essa semana promete posts especiais, sobre minha viagem a Cabo Frio, onde fui receber minha premiação de Melhores Contistas 2013, pela editora Mágico de Oz. Os detalhes da premiação serão postados no outro blog em breve, mas as aventuras da viagem vocês conhecerão aqui, porque tem muita arte prá se ver !! =)


Cabo Frio é uma cidade turística, localizada na Região dos Lagos, no litoral do Rio de Janeiro. Essa foto eu tirei no Canal do Itajuru, uma das regiões mais belas que encontrei lá. Mas a pousada onde ficamos fica na Praia do Forte, porque o evento que participei era no Teatro Municipal, então escolhi uma acomodação mais perto.


Escolhi essa pousada por dois motivos: localização e preço (rs). Pois é. Eu fui receber um prêmio mas as custas da viagem ficam por conta do escritor, ou seja eu. E embora tenha meu salário fixo, tudo que invisto na carreira de escritora é bem planejadinho, de modo que ainda não posso me dar ao luxo de ficar num hotel caro.


Mas, em contrapartida, levo sorte porque AMO DE PAIXÃO coisas antigas. E essa pousada no final das contas era um casarão antigo da cidade. Ambiente rústico e aconchegante, bem do jeito que eu gosto.


Bom, na verdade achei que o atendimento deixou um pouco a desejar, mas como fiquei pouco tempo na cidade, e usei a pousada praticamente só para dormir, não sou muito exigente com essas coisas. Então achei que o custo benefício valeu muito a pena !


Também pelo baixo custo da hospedagem, o café da manhã era bem simples, sem muitas variedades, mas tinha o essencial. Pão, bolo, frutas, queijo e presunto, manteiga, sucos e café. Precisa mais? Eu acho que não, aliás, meu regime agradece! ;-)


Prá não dizer que só usei para dormir, além do café da manhã, no sábado depois de um passeio que será pauta para outro post, fiquei com a Vera (a amiga que me acompanhou na viagem) umas três horas conversando ao lado da piscina. O ambiente externo também era acolhedor.


Chaves do quarto na mão, fiz questão de fotografar porque tenho uma sina com o número 7, que considero meu número da sorte ! Somou os dois dígitos da numeração? 1+6=7. Isso acontece frequentemente comigo !!


Nos corredores da pousada, as artes começam a aparecer. Várias fotos da cidade de Cabo Frio, em variadas épocas. Destaco essa aqui, uma fotografia de 1915.


No interior da pousada, vários objetos antigos. Aparadores, baús, molduras, sofás, quadros, tudo muito conservado. Como esse móvel, cuja foto deu errado mas não poderia faltar nesse post.


Agora vem a parte que preciso de ajuda. Vi essa peça na parede e sinceramente, desculpem a ignorância mas não consegui decifrar para que serve. Achei linda a pintura! Parece algo como um castiçal (?), uma luminária antiga (?). Alguém arrisca palpite? Porque ninguém na pousada sabia, acreditem !


Mais um pouco da área externa, é tipo um jardim de inverno eu acho. Ficava bem em frente ao quarto, e enquanto o sol ardia lá fora, ali era bem fresquinho. =)


E essa era a frente da pousada gente, linda !! Já me chamou a atenção quando entrei no site, tem uma foto bem grandona, quem quiser ver clica aqui. Essas duas últimas fotos são de domingo, quando já estávamos de malas prontas para voltar a Curitiba. Eu e Vera terminando a jornada em Cabo Frio !

Mas tem muito mais diário por aí, vou contar dos passeios, da feira de artesanato, da premiação. 

Aguardem que logo volto. Beijos !

7 comentários:

Sue Ellen Nascioli disse...

Que bacana Flor, visitar essa cidade linda para receber um prêmio.
Adoro Cabo Frio, mês que vem se Deus quiser estarei por lá.
Parabéns pelo prêmio!!!
Bjo grande

Aline Salmon disse...

Que delicia, Ale. Eu já fiquei nessa pousada tb! Simplinha, mas para dormir e timar café esa de bom tamanho! A maioria das pousadas lá é assim.
Cabo Frio é um charme, né?
Quero ver mais fotossssss.
Bjoss

Luiza Mallmann disse...

Coisa boa, menina! Você fez um passeio delicioso e aproveitou bem... eu gosto das pousadas porque tem um ar mais casual, mais cara de casa, tem mais charme. Particularmente, acredito que o atendimento é proporcional ao treinamento e importância dada aos funcionários. Se você investe neles, não pensa só em lucro, com certeza tem um retorno bom. Outra coisa é você trabalhar no seu negócio e gostar do que faz. Quem não gosta do que faz deixa isso transparecer... infelizmente!

Esperando o restante da história!

Beijos,

Luiza Mallmann
Decorar Sustentável

Elisabeth Sarkis disse...

Ai que sonho, que lugar lindo que vc ficou,adoraria conhecer, mas o melhor mesmo é o seu premio,parabens,bjs

Sonia Cirino disse...

Viajar, mesmo que rapidinho, é sempre bom, ainda mais recebendo um prêmio tão bacana quanto o seu!!!

Quanto à peça misteriosa, eu arriscaria dizer que é um "porta" imagem de santo (desculpe-me, o objeto tem um nome específico, que me faltou no momento) parece faltar o apoio da imagem.
Será?
bjks
ansiosa pelo segundo capítulo

vera disse...

Ficou show a publicação

ANNA TORCHIA disse...

Ai q delícia de viagem...e essa pousada parece ser fofa....adorei...bjsss